REVISTA VEJA DENUNCIA ROBERTO CLAUDIO – PREFEITO DE FORTALEZA

roberto claudio

A Revista Veja publico no último dia 06 de Setembro matéria de que o atual Prefeito de Fortaleza e candidato a reeleição – Roberto Claudio – recebeu R$ 78.000,00 de servidores públicos.

Continuar lendo REVISTA VEJA DENUNCIA ROBERTO CLAUDIO – PREFEITO DE FORTALEZA

STF CENSURA CIDADÃOS POR BONECO INFLÁVEL

A jornalista Eliane Cantanhêde , do Jornal o Estado de São Paulo, fez severas críticas ao Presidente do Supremo Tribunal Federal- Ricardo Lewandowski – por acionar a Polícia Federal para investigar os responsáveis, -mas já indicou a advogada Carla Zambelli como uma delas – por inflar dois bonecos gigantes na Avenida Paulista , em São Paulo: um de Ricardo Lewandowski e outro de Rodrigo Janot. Ambos aparecem caracterizados como petistas. A caricatura do presidente do STF é chamada de “Petralowski” — que funde o nome do ministro com a palavra “petralha”  e a de Janot, de “Enganô”.

Engnô-e-Petrolwski1

A carta enviada pelo STF ao Diretor da Polícia Federal, assinada por Murilo Maia Herz – Secretário de Segurança , alega haver grave atentado à ordem pública (?) e atentado à credibilidade do Poder Judiciário (?).

Lamentavelmente, quando se fala de constrangimento, não se pode deixar de citar aquele provocado pelo próprio Lewandowski quando enviou ofício ao excelentíssimo Sr. Juiz Sergio Moro, pedindo informações sobre atos que permitiram e divulgaram gravações de conversas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva com diversos políticos, dirigentes partidários e sindicais nas investigações da Operação Lava Jato. O pedido decorreu de uma ação protocolada na última terça-feira (5) na qual advogados do petista pedem a anulação da validade, como prova, das gravações.

Assistimos o Presidente do Poder Judiciário censurando o cidadão brasileiro, titular absoluto do direito constitucional à livre manifestação de pensamento.

Só nos resta esperar que Setembro chegue logo para que o sr. Lewandowski seja substituído na Presidência da nossa Suprema Corte.

MEGA MANIFESTAÇÃO NO DIA 31/07/2016 CONTRA AS ARBITRARIEDADES E CORRUPÇÕES DESTA PAÍS.